[Chama o Gato] Tite ou Muricy?

O Gato avalia se é Tite ou Muricy

Boa noite são-paulinos e futebolistas em geral,

Agora que todos me conhecem (e que já fiz certa polêmica), inauguro aqui uma seção bacana nas minhas crônicas. É o “Chama o Gato”, um momento onde aqueles leitores mais revoltados perguntam algo para mim seja aqui no site ou lá no meu Facebook. E eu, com a minha capacidade centenária, respondo humildemente.

A pergunta de hoje é, na minha opinião, bem simples: Quem é melhor? Tite ou Muricy?

Óbvio que Muricy.

Quem foi melhor jogador? Muricy, até hoje lembro dele e seus cabelos compridos correndo pelo gramado do Morumbi, deixando a zaga adversária em prantos.

Quem ganhou mais títulos? Muricy, são 16 contra 13 do Tite (contando segunda divisão gaúcha e um tal de Suruga).

Quem tem um estilo de jogo próprio? Muricy, o “Muricibol” é coisa nossa, nada daquela cópia de futebol espanhol mal posto do Tite de hoje e muito menos a escola gaúcho de Celso Roth do Tite de outrota.

E, por fim, quem é mais são-paulino? Muricy, óbvio. Jogador, treinador, discípulo de Telê e torcedor tricolor.

Para aqueles que não concordam, fica meu lamento. Tite pode até trazer o Hexa, mas fará isso no lugar do Muricy que infelizmente, se aposentou para cuidar de si e dos seus troféus em casa.

Quer perguntar outras coisas para mim? Curta em www.facebook.com/gatodovelodromo e mande sua polêmica.

Abraços e lembrem que o Tite convocou hoje o David “7 a 1” Luiz!

Rafael Duarte Oliveira Venancio

Rafael Duarte Oliveira Venancio

Nos anos 1910, o Paulistano cedeu a arquibancada do Velódromo para o Campo da Floresta. Era o começo do São Paulo, criado em 1930. No Velódromo, morava um gato, que foi na troca e que vive, até hoje, junto do Tricolor. Há quem diga que isso é invenção do Rafael Duarte Oliveira Venancio, mas nunca foi provado.
Rafael Duarte Oliveira Venancio

Últimos posts por Rafael Duarte Oliveira Venancio (exibir todos)

Comente aqui...

comentário

Rafael Duarte Oliveira Venancio

Nos anos 1910, o Paulistano cedeu a arquibancada do Velódromo para o Campo da Floresta. Era o começo do São Paulo, criado em 1930. No Velódromo, morava um gato, que foi na troca e que vive, até hoje, junto do Tricolor. Há quem diga que isso é invenção do Rafael Duarte Oliveira Venancio, mas nunca foi provado.